Manifestantes entram em confronto com polícia

Um protesto na favela de Paraisópolis descambou para a violência na tarde desta segunda-feira. Manifestantes queimaram pneus e pedaços de madeira, interditando algumas vias de acesso da favela, na região do Morumbi.

Segundo o G1:

A polícia foi chamada para desobstruir as ruas e foi recebida com paus e pedras, atirados pelos moradores do local. Segundo a Polícia Militar, os manifestantes não apresentaram motivo para o protesto. Os policiais recorreram a bombas de efeito moral para dispersar os moradores. Por enquanto, não informações sobre pessoas feridas ou presas.

De acordo com testemunhas, o protesto teria começado por causa da morte de um morador da região durante uma ação policial por volta das 12h30 de segunda-feira (1°). A polícia informou que o morador que foi morto era foragido e resistiu à prisão. O protesto nesta terça-feira começou por volta das 17h. Já no começo da noite, carros foram depredados e incendiados. Pelo menos sete pontos de bloqueio foram verificados dentro da favela.

Em entrevista à rede Record News, um líder comunitário confirmou que a manifestação teve início de forma pacífica, mas que não sabe o que aconteceu para o protesto se transformar em ato violento.



One Response to “Manifestantes entram em confronto com polícia”

  1. Olá, adorei o trabalho que voces fazem aqui! Gostei tanto que vou visitar mais vezes. Uma duvida: alguem aqui sabe o que vai inaugurar na Francisco Matarazzo, ao lado do Porto Alcobaça? Será outra casa noturna?