Web 2.0 a serviço da putaria

Circula por aí um novo nem tão novo mashup do Google Maps que pode ser de extremo interesse de muitos paulistanos. E muitas paulistanas também, por que não?

O BitchMaps reúne, em um mapa da cidade, todas os prostíbulos, casas de massagens e pontos de prostituição comentados no Fórum GPGuia. Nome, endereço, preço, telefone e link ficam disponíveis para serem buscados por localidade. E podem ser acessados por smartphones!

Para quem ainda não conhece, o GPGuia é um dos melhores exemplos de comunidade virtual bem sucedida na internet brasileira. E também foi onde Bruna Surfistinha começou a ficar famosa! O site é uma comunidade onde os usuários que usam os serviços de prostituição postam suas impressões sobre o “produto” e avaliam o programa em uma escala de 0 a 10. O que o Bitchmaps faz é pegar todo esse conteúdo e mostrar de forma geográfica.

Basta clicar em qualquer um desses pontos para ver os dados do puteiro de sua preferência… É a web 2.0 a serviço da putaria!



3 Responses to “Web 2.0 a serviço da putaria”

  1. esse serviço é ótimo pra explodirmos todos esses lugares de uma vez só!

    nojo

  2. Vamos explodir o Edney Idiota primeiro! Moralita do inferno!

  3. Every time I see sites as delicious as this because I should stop browsing and start working on mine