São Paulo comemora o título

spfc1.jpg

Quando falamos que campeonatos por pontos corridos não têm graça, dizem que é dor de cotovelo de corintiano. Mas na noite de ontem o São Paulo fez a sua “comemoração” do pentacampeonato do Brasileirão em uma boate da cidade. A festa só veio 21 dias após a conquista do título e por isso mesmo foi morna e sem graça. Imagina a mesma festa logo após uma suada final campeonato? Muito mais divertido!

Do Último Segundo:

Após a recepção – que estava decorada com os troféus dos títulos brasileiros, incluindo réplicas da comentada “Taça das Bolinhas” –, os convidados foram para a sala principal da casa de shows, onde assistiram à apresentação de uma banda. Quando todos não se agüentavam mais de fome, o jantar foi servido. Diversos tipos de massas e molhos alimentaram as mais de duas mil pessoas que lá estavam para comemorar o titulo, regado a muito champanhe, uísque, cerveja, água e refrigerante.

O título do São Paulo é merecido e ninguém nega isso. Mas ainda preferimos as disputas do ‘mata-mata’. São mais emocionantes e prendem o torcedor até o último minuto de bola rolando do campeonato.

E não adianta dizer que as emoções ainda existem nos pontos corridos… Ter emoção com briga pra quem não vai cair ou quem vai para a Libertadores é fim de carreira e deixa o título do campeonato em segundo plano.

spfc2.jpg
Richarlyson e Leandro mostram que, além de bom futebol, o São Paulo também tem uma pinta fashionista (mentira…)

As fotos são de divulgação.



2 Responses to “São Paulo comemora o título”

  1. “Ter emoção com briga pra quem não vai cair ou quem vai para a Libertadores é fim de carreira e deixa o título do campeonato em segundo plano.”

    Você ainda tem tempo de se redimir desta frase pegando um avião pro Rio ainda hoje e comprando um ingresso (se tiver sorte) a 60 reais na mão de algum cambista pra ver o que é a festa que o Flamengo e sua torcida têm feito nesse final de campeonato. Hoje serão mais de 80 mil.

    OK, talvez isso seja assunto pra um “Cariocaist”.

  2. Andre, concordo que a disputa pela vaga da Libertadores está emocionante. Mas este não deveria ser o ponto alto da competição, concorda? O certo seria a disputa pelo título ser o clímax, e isso só se consegue com finais e mata-mata.

    Estou neste momento vendo a festa da taça no Morumbi, com volta olímpica e tal. Tem coisa mais sem graça? Quando a TV mostra os torcedores, tem gente até com os braços cruzados…