Oscar Maroni prefeito?

maroni_stripper.jpg Quando estamos com falta de assunto, Oscar Maroni, sempre ele, aparece para nos salvar. Vimos no “Acerto de Contas, o blog“, que o “empresário da noite” paulistana e proprietário da boate Bahamas anuncia hoje à noite pré-candidatura à Prefeitura de São Paulo.

Segundo reportagem da Folha de S. Paulo, Maroni se filiou ao PT do B e espera “provar ao partido minha competência e meus ideais”. Em entrevista à Folha, Maroni disse que quer transformar São Paulo em no “maior pólo de convenções da América Latina” e disse que a cidade tem o mesmo potencial de Las Vegas.

Essa parece ser mais uma jogada do empresário para irritar o prefeito José Kassab. Os dois andam com uma briga pessoal desde que um prédio de Maroni perto do Aeroporto de Congonhas foi interditado após o acidente da Tam. Maroni já foi inclusive preso por formação de quadrilha, exploração de prostíbulo, favorecimento à prostituição e tráfico de mulheres!

E você, eleitor paulistano? O que acha da jogada? Se São Paulo está uma zona, devemos eleger o dono do puteiro? Deixe sua opinião nos comentários!

Foto de divulgação do Oscar Maroni antes da prisão.



4 Responses to “Oscar Maroni prefeito?”

  1. Não sei quanto a questões da Saúde pública ou da Educação, mas parece que as aumentariam as opções de lazer na cidade. …e havia menos informalidade na prestação de serviços de entretenimento adulto.

    Falando sério, não dá. Não consigo imaginar a cidade com um cara desses na administração.

  2. porque nao??

    na campanha ele poderia ofecerer puta de gratis para todos se for eleito.

    êÊê!!!

    \o/

  3. Sabe oque eu acho de verdade, o maroni é um cara legal,seu crime é o de criticar governantes que não correspondem aos anseios do povo, não cometeu nenhum crime, querem incrimina-lo e tudo porque ele é sincero de verdade, ele chegou a conversar comigo sobre a necessidade de o governo tomar alguma medida com relação a prostituição protegendo as mulhere que fiseram desta sua profissão , me pediu ideias, vi nele a sinceridadede querer de fato participar de uma mudança para melhor na vida destas mulheres , agora querem força-lo a agir ao contrario do que ele realmente é para confundir a opinião publica! se o prefeito de são paulo é contra as prostitutas que se declare assim , pelo que sei e até onde sei nenhuma das frequentadoras do local era obrigada a nada e tenho certesa do que digo pois fui assiduo frequentador da bahamas conheci ali muitas garotas nem todas garotas de programa , tanto é que o segurança avisava que ali não era zona não mas que tinha algumas garotas de programa que frequentavam o local inclusive conheci uma garota que frequentava a casa a muito tempo e que inclusive veio trabalhar comigo na praia de matinhos, falava muito bem d boate bahamas e de como eram bem tratadas e que frequentavam o local porque se sentiam mais seguras ali do que na rua e que por não se permitir o consumo de drogas o local era melhor do que muitos locais ditos ambientes decentes, nunca vi o maroni maltratar uma garota ou tirar qualquer vantagem de dinheiro de programas que elas fasiam ,ele não é cafetão , é dono de boate, só quem obtem vantagem do lucro do programa sexual de terceiro pode e deve ser chamado de cafetão, indicar a alguem que lhe telefone perguntando se voce conhece algum lugar bom para se ganhar dinheiro na noite , se uma garota meliga se, eu diria para procurar o bahamas, no caso do maroni, muitas garotas fiseram do local o que hoje se tornou,o local é tambem frequentado por garotas de programa, mas a lei ironicamente pune voce por permitir que elasfrequentem seu estabelecimento porquanto por outro lado voce não pode proibilas de frequentar seu estabelacimento sem legalmente responder por isto como discriminação ou preconceito! A ipocrisia nos tornou intolerantes e aos governantes e autoridades muito mais, é facil condenar as prostitutas e perseguilas covardemente e é isto oque se esta fasendo no caso do bahamas, O maroni é inocente ,é um absurdo ele ser preso sem dever nada a não ser a visivel intenção de incriminá-lo, e os crimes do senado impunes. Senhores juizes não se deixem levar por outros rumos que não os estritamente legais e com isto libertem o sr. maroni ele é pessoa de bem !

  4. Aprendi que não devemos condenar ninguem sem motivos efetivamente sólidos e que mereçam concideração, não correr o risco de sermos injustos ! lucabi