120 anos da Hospedaria de Imigrantes do Brás

0341.jpg O Memorial do Imigrante vai comemorar com uma exposição os 120 anos da Hospedaria de Imigrantes do Brás, que recebeu mais de 2,5 milhões de pessoas de 70 nacionalidades.

A exposição ‘Hospedaria de Imigrantes do Brás’, começa no dia 9 de outubro e traz com riqueza de detalhes a saga dos imigrantes que chegaram ao País entre 1887 a 1978.

A mostra, produzida pelo Estúdio GRU, abre com um mapa apontando as principais hospedarias de emigração do mundo, entre elas Nápoles e Genova, na Itália; segue com um balcão em que apresenta documentos como lista de bordo, passaporte e atestado sanitário de imigrantes e também uma projeção de cerca de 6 metros, com cinco minutos de narração e vídeo, em que se explica o porquê da criação da Hospedaria.

Um dos pontos altos da exposição é a sala de terminais de consulta (Tótens) que ganhou pintura preta para receber em branco mais de 10 mil sobrenomes de A a Z dos imigrantes que aqui chegaram desde o final do século XIX. Entre outras riquezas de detalhes está o Mastro, principal peça da Hospedaria na época e, uma maquete de todo o complexo da Hospedaria, que hoje se divide no Memorial do Imigrante e o Arsenal da Esperança.

A exposição Hospedaria de Imigrantes do Brás é o marco das comemorações dos 120 anos do prédio da Hospedaria, que começaram em janeiro de 2007 e se estenderá até dezembro de 2008.

Memorial do Imigrante // Rua Visconde de Parnaíba, 1.316, Mooca // terça a domingo, 10h às 17h



Comments are closed.