Desafio intermodal

diasemcarro.gif

Quem chegou primeiro: o ovo ou a galinha? E no trânsito, quem chega primeiro: a moto, a bicicleta, o carro ou o pedestre? Para sanar a dúvida, acontece amanhã o segundo “Desafio Intermodal de São Paulo.

O desafio, uma “corrida” entre diversos tipos de tranportes, acontece nesta quinta-feira e tem como ponto de partida a Praça General Gentil Falcão, altura do número 1.000 da Avenida Eng. Luis Carlos Berrini, às 18h. Os “competidores” terão como destino o prédio da Prefeitura, no centro de SP.

Enquanto um ciclista irá pedalar por vias alternativas e de pouco movimento de carros, passando pelo interior do Parque do Ibirapuera, outro irá por avenidas de trânsito mais rápido. Dois ciclistas com bicicletas dobráveis farão integração com o ônibus e o metrô, respectivamente. Um motorista e um motociclista irão pelo caminho que acharem conveniente. Um pedestre fará trajeto de ônibus, outro irá de trem até a estação Barra Funda fazendo a integração com o Metrô, outro, também de trem, fará a baldeação para o ônibus. Mais um pedestre irá de ônibus até o Metrô Ana Rosa, fazendo a integração com o metrô. Uma pessoa irá de táxi e outro irá a pé.

Na verdade, como explicou o Willian Cruz no ano passado, o principal objetivo do desafio não é descobrir o veículo mais rápido, mas mostrar às pessoas que existem alternativas ao transporte individual motorizado, seja ele o carro ou a moto.

Para ver como foi o desafio do ano passado, visite o blog Free Ride, do Willian Cruz.



One Response to “Desafio intermodal”

  1. Valeu, Leandro! Só um comentário, tem um no final do link para o meu blog, que está levando à página correta mas à posição errada… Abraço!