Uma dentro, uma fora

LanchoYes.JPG LanchoNo.JPG“I don’t love you anymore, goodbye”, diz uma sóbria bolacha de cerveja na Lanchonete da
Cidade. A frase consegue chamar atenção mesmo no meio de todo o apelo visual da casa dos Jardins, com seu ambiente vintage-divertido, a mostarda personalizada e o Genius original na parede. O teaser merece o esforço de levantar o copo e virar a rodela de papelão — e vale mesmo. É uma esperta propaganda da peça “Closer“, que estreou este mês em São Paulo. Poder de síntese, sacada boa — e propaganda decente de teatro.

Não muito longe dali, no Itaim, um equivocado casal de manequins de loja (?) com emenda no pescoço chama os clientes para comer um delicioso cheddarburger de R$ 1,99. Fotos de sanduíches estampam os aventais do boneco e da boneca — que vestem as mesmas roupas toscas e empoeiradas — sob o atrativo chamariz: oferta. Oferta? Não é pelo preço, é pela escolha lexical. Oferta? De abrir o apetite. Dá vontade de fugir para o teatro.



2 Responses to “Uma dentro, uma fora”

  1. Homem-cheddarburger. Não fica nem cult esse nome.

    Vanis

  2. Esses bonecos são os garotos-propaganda (talvez fosse melhor dizer casal-propaganda) desse posto há alguns anos. Antes usavam o mesmo uniforme dos frentistas. Sempre tem algum transeunte engraçadinho que belisca o bumbum da moça de plástico para fazer graça aos amigos.