Vídeo da semana

Manifestação em São Paulo. Recomendamos que ignorem a “música clichê de protesto”.

No YouTube do NOVOLHARCOMUNICA



6 Responses to “Vídeo da semana”

  1. Pelo amor de deus. Respeito o sofrimento dos familiares das vítimas do acidente. Mas o bando de oportunistas que os cercam e se aproveitam de sua dor para se auto-promover é duro. Recomendo entrevista concedida pelo nosso maluco ex-governador pefelista-comunista Claudio Lembo a Bob Fernandes, do Terra Magazine:

    http://terramagazine.terra.com.br/interna/0,,OI1794531-EI6578,00.html

  2. A propósito, o que ocorre que ninguém falou nada da Achiropita? Será que é muito óbvia ou batida para ser lembrada?

  3. A elite fascista e golpista mostrando o quanto é nojenta. Estão cansados de quê? de 500 anos de privilégios? A elite brasileira (bastante provinciana, diga-se de passagem) mostra seu ranço conservador, medíocre, apolítico e hipócrita. Não estou nem aí para a queda do avião: todos os dias milhões de pessoas acotovelam-se em sistemas de transporte público de péssima qualidade enquanto esta mesma elite fascista privatiza o espaço público em seus carros poluentes com ar condicionado.

    Bando de fascistas.

  4. Rafael e Guest

    Sabemos que essas mobilizações despertam paixões de todos os lados. Aqui no Sampaist, respeitamos todas as vertentes partidárias e damos espaço para todos os tipos de protestos. Já falamos sobre protestos contra o Bush, protesto dos estudantes da USP, protesto de professores na Avenida Paulista… a lista é extensa.

    Pessoalmente, acredito que fascista é querer proibir ou desmerecer um movimento somente por ele ser formado “pela elite dos que andam de avião”.

    abs
    leandro

  5. Opa, em nenhum momento critiquei o Sampaist por mostrar o tal “movimento”.

    E ao contrário de nosso amigo guest, eu me importo sim com a queda do avião, e até com “a elite dos que andam de avião”(embora eu também acredite que o sistema público de transporte terrestre, da qual depende a maioria da população, é absolutamente esquecido pelos meios de comunicação e “movimentos”).

    Mas só atentei para que se tenha cautela com esse mov. específico (que alias, ganhou espaço na redeTV, se não me engano, justamente no intervalo do programa de um de seus idealizadores…)

    Bem, e finalizando, minha paixão (pequeno-burguesa, caro guest) é COMIDA

  6. Beleza, Rafael!
    Também não sou muito fã desse movimento específico. Só não acho certo quando criticam o movimento apenas porque ele é formado pela classe média/alta. Mas o meu comentário foi mais p/ o “guest”, mesmo…
    abs!
    leandro