Por uma abanada de rabo

dog3.jpg

Eles são peludos, nem sempre cheiram bem, costumam babar em você, sujam sua roupa, mas são carinhosos em qualquer ocasião. Ganha um brinde quem adivinhar do que – ou de quem – estou falando! Dos cães, evidentemente!

E, infelizmente, em São Paulo há muito desses “melhores amigos” abandonados, seja no Centro de Zoonoses, seja nas ruas da cidade. Algumas instituições ou ongs trabalham duro para conseguir adotar esses bichinhos felpudos, mas nem sempre conseguem um lar para os animais.

E foi por essa razão, a da conscientização, que Cláudia Lubrano de Castro resolveu escrever um livro que estimula a reflexão dos que gostam ou não de cães. Na obra, intitulada Diário de um cão, a autora vive na pele dos animais abandonados e conta, em primeira pessoa, a rotina dramática desses cachorros.

O release veio a calhar, visto que: 1-) Adoro cães, gatos e afins, 2-) Acabei de ler o best-seller “Marley & Eu”, do jornalista John Grogan, mesmo fugindo, sempre que possível, da lista dos mais vendidos, e onde um cão e seu “fiel dono” são os protagonistas, 3-) Flush, na minha humilde opinião, é o um dos melhor livro da Virginia Woolf e 4-) “Cão sem dono”, filme de Beto Brant e Renato Ciasca, baseado no livro “Até o Dia em que o Cão Morreu”, de Daniel Galera, traz um cachorro, o Churras, como ator. Detalhe: ele foi adotado e resgatado em um Centro de Zoonoses.

Se você se amarra em uma abanada de rabo, siga as dicas do Sampaist e fique por dentro do magnífico mundo canino.


Serviços:
Título: Diário de um cão
Autora: Cláudia Lubrano de Castro
Formato: 14×21
Páginas: 128
Editora: Giz Editorial
Áreas de interesse : Literatura, História, Infantil e Juvenil, Ciências Sociais, Pets
Preço: R$ 24,00

Crédito//Foto: Flickr gryhrt



2 Responses to “Por uma abanada de rabo”

  1. Otima essa iniciativa. Alias, todo mundo que pensa em comprar um bichinho, seja cao ou gato, devia pensar mais um pouco e adotar um! Animais de estimacao nao precisam ter “grife”. Talvez o Sampaist pudesse divulgar alguns contatos de abrigos de animais, do CCZ, que tal?

  2. Lana,

    Assino embaixo! Vamos atrás, okay?
    Até mais ;p