Notícias da Cratera – Home sweet home!

metro.jpg

Depois do susto e de uma temporada fora de casa, três famílias que moravam no entorno da futura Estação Pinheiros do Metrô, acomodadas em hotéis desde o acidente de janeiro, poderão voltar para suas casas a partir de hoje.

Logo após o acidente, com a interdição de imóveis no entorno das obras, cerca de 70 famílias (193 pessoas) foram acomodadas em seis hotéis da região. Atualmente, com a realização dos acordos com inquilinos e proprietários, restam em torno de 90 pessoas acomodadas em hotéis.

Em fevereiro, o Consórcio Via Amarela, responsável pela construção das vias e estações de metro, contratou uma consultoria independente para fazer um laudo geológico que atestou a estabilidade da região. O laudo foi entregue à subprefeitura de Pinheiros.

Do total de imóveis vistoriados pelo IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado) , a subprefeitura de Pinheiros já desinterditou 18 imóveis. Em 23 de março a Subprefeitura de Pinheiros liberou os primeiros oito imóveis que estavam interditados desde 12 de janeiro, sendo sete imóveis comerciais na Rua Gilberto Sabino e um apartamento do edifício número 277 da Rua Conselheiro Pereira Pinto.

Informações da Assessoria de Imprensa do Consórcio Via Amarela



Comments are closed.