Sampaist @ Clash Club

clash.JPG

Fomos à inauguração do clube Clash na Barra Funda. Com um certo atraso, nosso relato…

Tanto se falou da inovação tecnológica da casa, que quando pediram para tirar nossa foto na entrada (para o tal reconhecimento de face), ficamos um pouco decepcionados com a minúscula webcam que saía do computador. Chegamos a acreditar que algo no estilo Matrix, ou Minority Report brotaria do balcão. Básico, e dá até para tirar uma outra foto caso a sua fique muito queima-filme. Ao ser “scaneado” na porta, seu email receberá fotinhos da balada, programação completa, e até o setlist do DJ daquela noite.

Lembra bem o D-Edge logo na entrada, mas é quase três vezes maior e com um pé direito que assusta. São 900 m² de um galpão com a arquitetura original dos anos 30. As paredes pintadas de preto dão aquele clima roqueiro, mas fica só no clima: a casa se dedica mesmo ao eletrônico (de quinta a sábado), deixando para domingo a matinê de rock (a partir das 20h, comandada pelo DJ guab).

Três bares, muitos sofazinhos para esquentar o papo enquanto o DJ toca baixinho, um quintal bonito (com sofá coberto e com bar) para o “clima de paquera”, muitos banheiros para ninguém reclamar de filas, e uma pista gigantesca.

Ficamos um pouco constrangidos em inaugurar a pista, era muita responsabilidade. Em uma casa que pode abrigar até 1000 pessoas, quando ela ainda está vazia fica difícil se esconder das luzes e dançar causando. Sobra aquele imenso buraco bem em frente ao DJ, que ninguém teve coragem de preencher até quase meia-noite.

Os DJs são as estrelas da casa: um palco todo iluminado com espelhos de luz direciona toda a atenção a eles. Ficam quase inatingíveis, e têm uma visão privilegiada da pista. Som perfeito, e graças ao pé direito, finalmente uma pista sem música embolada e abafada.

Uma cortina divide a pista do quintal, e também permite que em dias menos “bombados”, a casa selecione a quantidade de público. Não é genial? Assim, ela pode manter de 200 a 1000 pessoas sem o menor problema de espaço.

Adoramos!não aprovamos o serviço de valet: R$14,00 (hã????), fazendo até com que o clube mais próximo (o ótimo Clube Belfiore) também aumentasse o preço do serviço deles… Não dá.

No site, dá para acompanhar a agenda do mês todo.

Clube Clash // Rua Barra Funda, 969 // Preços variam conforme a noite: checar no site // Tel: 3661 1500



2 Responses to “Sampaist @ Clash Club”

  1. Fiquei com vontade de conhecer, quem sabe domingo?! Sorte que moro perto e posso ir a pé, R$14,00 é mesmo exagero…

  2. Gostaria de sabe quanto que vai se o show do mudhoney e que dia?