Depoimentos Sampaist: Amor e Ódio!

pordosol.jpg

Para homenagear o aniversário da cidade, cada colaborador resolveu fazer um post dando um depoimento sobre a cidade de São Paulo. Confira!

Vivemos uma relação intensa no paralelo entre o amor e o odio. A nossa querida Sampa – que ela não nos ouça – é a melhor e a pior cidade do mundo para se viver.

O trânsito, a poluição, a violência, o concreto, as filas, as businas, o trabalho, a pressa (para você ver né? Só agora consegui fazer o post). Esta cidade é o retrato fiel do que representa a vida contemporânea na metrópole.

…E é difícil! ….E é cansativo! Mas ao mesmo tempo, como não se apaixonar por ela?

Aqui a história não pára nem por um segundo e invade as madrugadas, os supermercados 24hrs, as comidas delivery, as baladas. Aqui tudo acontece! E não tem hora para acabar!

As pessoas, os lugares. Só em São Paulo podemos percorrer uma única avenida e se deparar com tantos contrastes – desde o forró do Largo da Batata até o chiquérrimo Shopping Iguatemi – e assim não é só a Faria Lima.

Tem a 25 de março, o Bráz, o Bom Retiro e a Daslu. O pernil dos estádios e os restaurantes da Amauri. Tem pizza, tailandês, koreano, mexicano, mineiro, baiano, churrasco e um dogão a cada esquina.

E tem rock, e roll, e samba, pagode, cia, samba-rock, house, psychodelic, hardore, bandas novas, velhas, emos, raves after-hours e happy-hours. Aqui tem de tudo todos os dias e por incrível que pareça, nós convivemos juntos em perfeita desarmonia.

Se é difícil viver nela, é mais difícil ainda viver fora dela!!! E mesmo que vez ou outra eu precise fugir, mergulhar no mar, dormir ao som das ondas, o bom filho a casa sempre retorna. Porque depois de alguns dias, dá um certo alívio avistar de longe, aquele monte de predinhos que se confundem entre si e saber que é para algum deles que eu vou voltar.



Comments are closed.