Sampaist Ao Vivo: Suecos (e Norueguês) @ StudioSP

ErlandOye1UlissesBarbosa.jpg

Que bandas suecas são a nova mania mundial ninguém duvida. Mas quem diria que mais de mil pessoas iriam até a Vila Madalena para uma inusitada “Invasão Indie-Sueca”?

Com capacidade para 300 pessoas, o StudioSP teve que fechar as portas logo depois da meia-noite. Uma fila imensa ainda se formava (e ali ficou a noite toda) quando o violãozinho do set acústico de Erlend Oye (foto) tentava fazer barulho no palco.

O não-sueco do festival é conhecido pelo Kings of Convenience, que já esteve no país no TIM Festival de 2005. Nesses shows acústicos, além de tocar algumas músicas da dupla, ele reveza trabalhos de seu projeto solo e de sua outra banda, The Whitest Boy Alive.

Praticamente um João Gilberto norueguês, com um violão colado ao peito e voz baixa e fina, Oye teve que apelar para ser ouvido. Na platéia ouvia-se mais “sssshhhhhh” e “psiu” que pessoas cantando. Visivelmente feliz e sem set-list, ele pedia para que o público ditasse a ordem das músicas. Ninguém gritou um “toca Raul”, aparentemente.

Sampaist conversou com o cantor e ele fez um apelo para a apresentação de hoje à noite: “tentem não conversar durante o show, por favor”. Recado dado. A pedido dele, o atendimento no bar da pista será suspenso durante o set. Shhhhiu.

hellstudio.JPG

Hell On Wheels, que também já esteve aqui em 2004, conseguiu animar o povo pós-transe e fez um show pesado, que lembrava Pixies em vários momentos. Bem, a todo momento, na verdade.

Jens Lekman, que diziam ser o homem mais sexy da…Suécia, deixou o rostinho bonito em casa. Propaganda enganosa à parte, ele fez um bom show. Era o que os fãs davam a entender, já que cantavam quase todas as músicas para espanto do rapaz. A banda que o acompanhava era ótima, e em alguns momentos bem mais animada que ele.

Todas as fotos são do fotógrafo Ulisses Barbosa, convidado pelo Sampaist para registrar a noite. Confira o slide abaixo!

Erlend Oye faz seu segundo show solo hoje à noite, no Studio SP, com discotecagem de Lúcio Ribeiro. Cheguem cedo!

STUDIO SP // rua Inácio Pereira da Rocha, 170 – V. Madalena // abertura da casa: 22h // R$ 20,00 e R$ 15.00 com nome na lista // para mandar nomes para a lista: studiosp@studiosp.org (até às 18h e a lista é válida até 1h da manhã)



Comments are closed.