Comissão da Criança flagra prostituição de crianças no Ibirapuera

fioriloibirapuera.jpg

A denúncia chegou por e-mail e o Sampaist repassa, sem poder atestar a veracidade das informações.

Membros da Comissão da Criança e Adolescente da Camâra Muncipal fizeram uma bliz na noite da últa sexta-feira no Parque do Ibirapuera e flagraram crianças se prostituindo na região do “autorama”, ponto de encontro de homossexuais no parque.

Segundo o e-mail enviado pela assessoria do vereador Paulo Fiorilo (PT), membro da Comissão:

L. e G., de 14 anos, afirmaram que fazem programa no local há pelo menos quatro meses, acompanhados de outras crianças e adolescentes. Eles moram na zona sul da cidade, freqüentam o Autorama das 21 às 23 horas e ofereceram o programa por R$ 30 ao vereador Paulo Fiorilo.

Após constatar a presença de crianças no local, a Comissão acionou o SP Protege, a Secretaria de Assistência Social e a Secretaria Especial de Participação e Parceria. Ainda segundo o a nota do gabinete de Fiorilo, outros menores estiveram no local durante a blitz, mas saíram por uma abertura na grade ao lado da alça de acesso à avenida Ibirapuera, quando o vereador tentou abordá-los.

A região do Autorama, no Parque do Ibirapuera, já foi alvo de polêmica no começo deste ano. Em março, a Prefeitura fechou o acesso à área durante a madrugada. Nesta época, já havia a informação de que crianças se prostituiam no local. Sete dias depois, o local foi reaberto.

Na foto, membros da Comissão da Criança e Adolescente conversam com um dos menores.



Comments are closed.