De barco pelo rio Tietê

Tiet%C3%AA.jpg O que você acha de dar um passeio de barco pelo rio Tietê? Repetir uma cena de Titanic num local tão convidativo, quem sabe?

A primeira vista parece difícil ter fôlego, força e motivo para navegar por esse rio de cocô. Nem todo mundo pensa assim.

Alunos da 5ª série do Colégio São Luís terão nesta quinta-feira uma aula diferente: eles vão enfrentar o desafio e subir num bartco para percorrer um trecho do rio.

Durante uma hora e meia vão estudar os aspectos históricos, geográficos, econômicos e ambientais dali.

A ação faz parte do Projeto Navega São Paulo, desenvolvido pela Transrio, que opera frota de embarcações comerciais na hidrovia Tietê – Paraná. A navegação começa às 14 horas, a partir do Cebolão até as imediações da Ponte do Piqueri.

Esse será um estudo, acima de tudo, sobre cidadania. Enquanto se divertem, as crianças aprenderão mais sobre a responsabilidade do cidadão na preservação do meio ambiente, explica Maria Cristina Mazzocchi, coordenadora do Ensino Fundamental II do Colégio São Luís.

A navegação será monitorada por uma equipe de quatro profissionais, capacitados e treinados para essa atividade, entre historiadores, geógrafos e biólogos, que farão os alunos observar e refletir sobre o rio, as marginais, o trânsito e as construções ao redor.

Segundo Fábio Perillo Samori, coordenador do Projeto Navega São Paulo, o objetivo principal desse estudo é despertar nos alunos o interesse pelo rio Tietê.

O que mais chama a atenção dos estudantes é o lixo no leito e margens do rio e o mau cheiro. Essa situação é excelente para despertar e pôr em discussão toda a problemática que envolve não só o Tietê, mas a cidade inteira, conta Samori.

Se é! O Senhor tenha piedade dessas jovens narinas…

Foto do Flickr Sutherlands Life



One Response to “De barco pelo rio Tietê”

  1. Eu já fiz um passeio na parte limpa do rio, no interior, e foi muito legal. Eu topava ir nesse (mas ia pesquisar o que é aquela gosma que legistas colocam debaixo das narinas nos filmes, sabe?).