Zona de Trânsito – Parte II

Na semana passada, falamos de uma exibição muito interessante que reunia artistas da América Latina. Reclamamos da falta de divulgação e da falta de interesse da imprensa sobre o assunto.

Os curadores da mostra, Nicholas Petrus e Flávia Couto, entraram em contato com o Sampaist, e registramos aqui o depoimento recebido por e-mail.

Além da forma independente com que tiveram que organizar a exposição, Petrus reclama do texto “equivocado” que saiu em alguns (poucos) jornais.

“Fico feliz por saber que pouco a pouco a exposição vai aparecendo aqui e ali. Eu, Nicholas Petrus, juntamente com a curadora Flávia Couto, desenvolvemos o projeto da mostra, fizemos a divulgação para a convocação dos artistas, selecionamos as obras e montamos tudo.

Realmente trata-se de um projeto praticamente independente, de jovens curadores como nós. De uma maneira interessante, tivemos a oportunidade de convidar e selecionar artistas que participam ativamente da consolidação de uma nova geração artística latino americana.

Gloria Posada (1969), por exemplo, ensina na universidade de Medellin e agora em Bogota, participou de exposições na Bienal de Havana e na Galeria Marta Traba, publicou livros e uma série de críticas sobre arte. Ou mesmo Victor Zuniga (1969), peruano, com exposições em galerias de Londres e Alemanha, diversas individuais e curadorias sob seu nome. Além de Angie Saiz (1977), do Chile, com projetos de intervenção e exposições importantes no cenário em Santiago, e por aí vai…..

É uma pena que o texto de imprensa já tenha saído com algumas alterações. Esta frase que fala em “paineis decorativos” é uma lástima, e não é de nossa autoria.”

Agradecemos aos curadores pelo esclarecimento e aproveitamos mais uma vez para apoiar o evento.

“Zona de Trânsito” está aberta ao público no Espaço Cultural Instituto Cervantes até o dia 06 de outubro!

Instituto Cervantes // Av. Paulista, 2439 – 7º andar, Bela Vista // Tel: 3897 96 00 // e-mail: informasao@cervantes.es



Comments are closed.