Sampa dorme mais triste. Ou não…

sobisvipcomm.jpg

E São Paulo vai dormir mais triste hoje. Ou mais feliz, dependendo do time que você torce. Em partida válida pela final da Libertadores da América, o Internacional de Porto Alegre venceu o São Paulo por 2×1, em jogo emocionante e de muita pancadaria no primeiro tempo.

Agora, o São Paulo precisa ganhar por dois gols de diferença para ser tetracampeão da Libertadores. Se ganhar por apenas um gol, leva a disputa para a prorrogação e, eventualmente, pênaltis.

Os destaques negativos ficam por conta das duas expulsões no primeiro tempo. Josué meteu o cotovelo no pescoço de Rafael Sóbis, autor dos dois gols gaúchos, e foi flagrado pelo árbitro (muito bom, por sinal). Ainda no final da primeira etapa, o volante do Inter Fabinho deu um tapa bobo em Souza e também foi expulso.

O destaque positivo, além das jogadas emocionantes do segundo tempo, foi a renda embolsada pelo Tricolor paulista. O público de 71.576 pagantes deixou uma renda bruta de pouco mais de R$ 3 milhões, recorde máximo na história do campeonato.

A foto é de divulgação da Vipcomm, assessoria de imprensa do São Paulo. Como seria bom se todos os times divulgassem suas fotos durante e/ou logo após as partidas…



One Response to “Sampa dorme mais triste. Ou não…”

  1. São Paulo é grande e só pode ter o tricolor para representar essa grandeza!!! Torcer para as galinhas é ser da escória pois é assim que são conhecidos seus torcedores, para os pigs é ser um museu verde de mofo para quem mais se não para a elite da raça paulistana!!! SPFC!!!