Cilindros de gás são retirados de marginal após acidente

Terminou na manhã de hoje a remoção de um caminhão tombado e dos cilindros de gás que ele carregava da pista expressa da marginal Pinheiros, sentido Castello Branco, na altura do bairro Itaim Bibi.

O gás (t-butil mercaptana, usado para dar cheiro ao gás de cozinha e assim facilitar a detecção de vazamentos; inflamável segundo a Cetesb) vazou e o cheiro na área ficou insuportável. Algumas empresas avisaram seus funcionários para que chegassem mais tarde ao trabalho.

A região foi isolada e as estações Hebraica-Rebouças e Cidade Jardim da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) fechadas. Elas foram reabertas às 7h20 e às 8h20, respectivamente. O trânsito causado pela interdição da marginal levou a prefeitura a suspender o rodízio de veículos.

Segundo a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), às 11h estavam liberadas a pista local da marginal e duas das quatro faixas da expressa. Não havia previsão para liberação total da expressa.

O motorista do caminhão, Fernando Alan Gomes da Silva, de 25 anos, foi encaminhado ao Pronto Socorro do Hospital das Clínicas (HC), com sintomas de náuseas e tontoura e deve ser liberado ainda hoje.

As informações são da Folha Online e do Último Segundo, com foto do Último Segundo.



Comments are closed.